As mulheres são diferentes. E os tipos de silicone também!
25 de agosto de 2017
Bacne: você sabe o que esse problema estético que tanto incomoda os adultos?
15 de setembro de 2017
Mostrar Todos

Qual a melhor opção: colocar a prótese de silicone por baixo ou por cima do músculo peitoral?

Muitas mulheres têm vontade de dar uma turbinada nos seios, mas por algum motivo não querem colocar silicone. Por quê? Algumas dizem que tem medo de se submeter à cirurgia, outras ficam receosas do resultado ficar artificial demais, com aquela aparência de plastificado. Mas para que não haja essa possibilidade o Dr. Fabrício dos Santos Veloso, diretor clínico da Dream Plastic (SP), aconselha discutir com o seu cirurgião plástico o posicionamento do implante

Silicone por cima do músculo – Subglandular (SG)
A técnica consiste em colocar o implante abaixo das glândulas mamárias e por cima do músculo, sendo a mais usada por quem deseja ficar com os seios bem marcados. O pós-operatório do silicone subglandular normalmente é bem tranquilo, a paciente sente pouquíssima dor, na verdade, sente apenas o incômodo dos pontos. Porém é preciso se atentar para alguns detalhes: se a prótese de silicone for muito grande, com o tempo, o peso dela pode gerar alguma flacidez de pele. Outro ponto importante é considerar a estrutura da paciente, pois se a mulher é muito magra ou tem a pele muito fina, então pode acontecer o efeito rippling, que é a leve percepção visual da textura da prótese e, ao olharmos, parece que a pele das mamas está enrugada.

Silicone por baixo do músculo – Submuscular (SM)
Nessa técnica o cirurgião plástico levanta o músculo peitoral para colocar o implante, sendo a mais indicada para mulheres que têm a pele fina, pois assim elas não terão a sensação de sentir a prótese. Além disso, o silicone submuscular é ideal para quem busca uma aparência mais discreta, sem que o colo fique muito marcado. Já o pós-operatório do silicone submuscular é considerado um pouco mais dolorido durante as primeiras semanas. Por isso, normalmente a paciente precisa tomar analgésicos.

Meio termo entre as técnicas anteriores – Subfascial (SF)
O cirurgião plástico irá combinar um pouco das técnicas: submuscular e subglandular, mas assim como nas demais, exige um médico experiente e bem qualificado. Para você entender melhor, é importante saber que todas as mulheres têm dois músculos mamários protegidos por uma fina camada chamada fascial. Por cima dessa camada estão as glândulas mamárias. No plano subfascial o implante é posicionado em cima dos músculos mamários, mas sob a camada fascial e as glândulas. A membrana fascial serve como sustentação sem interferir no contorno, deixando a aparência da prótese de silicone natural, mas evidente.

Dream Plastic
www.plasticadosonho.com.br/blog/silicone-por-cima-ou-por-baixo