Fuja do ressecamento
30 de maio de 2016
Cuide do seu sorriso
1 de junho de 2016

O salmão é figura certa na mesa dos brasileiros. Mesmo fora da culinária japonesa, onde é consumido na maioria das vezes cru, o peixe também ganha destaque quando preparado assado. Mas, o importante mesmo é preservar seus ingredientes!

Com a invasão da culinária japonesa, o salmão se tornou popular entre os brasileiros. Junto a isso, soma-se o fato de que ele é um alimento ótimo para combater os radicais livres. Pronto! Isso foi mais do que o suficiente para ele se tornar um dos peixes mais queridinhos por aqui. “O salmão é rico em minerais como ferro, potássio, sódio, cálcio, magnésio e vitaminas A, B6, B12, C e D, que é essencial para manutenção do tecido ósseo”, explica a nutricionista Karina Reis, da rede de Supermercados Mambo. Ele também é rico em ômega 3 e ajuda a minimizar as incidências cardiovasculares. Esse ácido graxo essencial não é fornecido pelo organismo e, por isso, precisa ser oferecido através da alimentação.

O ômega 3 está presente em alimentos de origem vegetal, sobretudo, em peixes que habitam águas marinhas profundas e frias (a exemplo do atum, bacalhau, sardinha, truta, arenque e cavala). O salmão, entretanto, recebe o prêmio como sendo uma das maiores fontes alimentares do ômega 3, na forma denominada eicosapentaenoico (EPA) e docosaexaenoico (DHA).

Com grande poder anti-inflamatório, o consumo do ômega 3 ajuda na circulação sanguínea e na redução de triglicérides plasmáticos. Sem falar no poder de prevenção de doenças cardiovasculares e de perda de visibilidade da retina através da degeneração macular.

Minerais como selênio e magnésio também são encontrados nesse peixe, que com sabor sutil, acaba sendo o peixe de maior procura no mercado. Mas cuidado! O salmão, por ser rico em lipídeos, não necessita de adição de gordura em seu reparo, como manteiga ou óleos.

Fonte de vitamina A, D, B3 e B12, a espécie, em consequência da intensa exploração comercial, captura em larga escala e mudanças ambientais, reduziu considerável, no que se diz respeito à população de salmão selvagem, e levou ao desenvolvimento de técnicas para a criação do salmão em cativeiro, de onde provém a maior parte do salmão consumida no mundo atualmente.

Dica de especialista:

Quando o tema é frutos do mar, preparações e cortes, o peixeiro Antônio Lopes, que possui mais de 30 anos de experiência, dá a dica: “para saber escolher o melhor salmão, devemos prestar atenção em alguns detalhes. Os olhos devem estar reluzentes, brancos e suas guelras vermelhas. Suas escamas devem ter uma aparência brilhante e firme.”

A nutricionista Karina Reis também dá dicas para quem deseja usufruir ao máximo os benefícios do salmão. “Prefira os cortes mais rosados aos avermelhados, isso pode garantir melhor a qualidade nutricional do peixe. O ômega 3 é instável em altas temperaturas e por isso a forma de preparação influencia na preservação desse ácido graxo. Evite fritá-lo ou colocar muito óleo ao prepará-lo pois unido às altas temperaturas a saturação desses ácidos aumentam, perdendo as características nutricionais.”

Vamos ao preparo! Separamos quatro receitas para que possa variar o cardápio durante a semana.

 

Marinado de salmão com lentilhas puysalmao marinado

Ingredientes (para o marinado de salmão)

1 filé de 300g de salmão

150g de açúcar demerara

150g de sal grosso

Endro à gosto

Ingredientes (para a lentinha puy)

100g de lentilha puy

2 folhas de louro fresco

40g de manteiga

1 cebola pequena bem picada

1/2 colher de chá de curry em pó

50ml de vinho branco seco

Suco de dois limões-sicilianos e suas raspas

Sal e pimenta-do-reino à gosto

Modo de preparo (para a marinada de salmão)

Misture o açúcar e o sal.

Coloque o filé de salmão em uma cama dessa mistura e cubra totalmente.

Leve à geladeira por dois dias.

Retire da geladeira e fatie finamente.

Tempere com endro fresco.

Modo de Preparo (para as lentinhas puy)

Pré-cozinhe as lentilhas, deixando-as bem durinhas ainda e reserve.

Em uma caçarola grande, derreta a manteiga e acrescente a cebola, o louro e deixe refogar por de três a quatro minutos.

Acrescente as lentilhas, mexa bem e refogue por mais de dois a três minutos.

Acrescente o vinho e o limão, misturando tudo rapidamente e abafe.

Tempere com o sal, o curry, a pimenta e as raspas de limão-siciliano.

 

Salmão grelhado com molho teriyaki, abacate com arroz sete grãos e amêndoassalmao grelhado

Ingredientes

Para o arroz sete grãos com amêndoas

1 xícara (chá) de arroz 7 grãos

1 cenoura ralada

3 xícaras e 1/2 (chá) de água

½ maço de salsa

½ maço de cebolinha

½ xícara de amêndoas

Sal a gosto

Raspas de 1 limão-siciliano

Para o salmão com abacate:

4 filés de salmão fresco ou 1 grande

Abacate do tipo avocado

1 limão

Arroz 7 grãos

Flor de sal ou sal grosso moído

Pimenta a gosto

Sal a gosto

Para fazer o molho teriyaki:

3 colheres (sopa) de suco de limão

3 colheres (sopa) de shoyu light

2 colheres (sopa) de água

1 pimenta dedo-de-moça picada, sem sementes

Modo de preparo (para fazer o arroz 7 grãos com amêndoas)

Em uma panela, ferva a água e adicione o arroz e a cenoura.

Cozinhe por cerca de 25 a 30 minutos.

Prove o arroz, se ainda estiver um pouco duro, adicione mais ½ xícara (chá) de água fervente.

Torre as amêndoas em uma frigideira e quebre-as grosseiramente com ajuda de um pilão.

Finalize com as raspas de limão, a salsa e a cebolinha picadinhas para dar um frescor ao prato.

Modo de preparo (como fazer o salmão com abacate)

Escolha um bom e fresco filé da salmão e divida-o em 4, sem temperá-los.

Em uma frigideira, esquente uma colher (sobremesa) de óleo vegetal ou azeite, de sua preferência.

Grelhe os filés de salmão deixando 3 minutos de cada lado. Importante: só virá-los uma vez. Esse tempo é suficiente para ficarem dourados por fora e úmidos por dentro.

Descasque o abacate e corte-o em tiras.

Tempere-o com sal e esprema o suco de 1/2 limão para não escurecer.

Monte o prato com arroz integral ou sete grãos, na base.

O salmão deve ficar em cima do arroz, o abacate depois, e, por último, umas colheradas do molho teriyaki.

Para preparar o molho teriyaki:

Junte todos os ingredientes em um recipiente e misture bem.

 

Macarrão com salmão defumadoSalmao defumado

Ingredientes

350 g de macarrão linguine (ou outra massa longa de grano duro)

100 g de salmão defumado (cerca de 4 fatias)

1 1/2 xícara (chá) de creme de leite fresco

raspas de 1 limão

2 ramos de endro

sal a gosto

pimenta rosa a gosto

Modo de preparo

Leve ao fogo alto uma panela grande com cerca de 4 litros de água para ferver. Assim que ferver, adicione 2 colheres (sopa) de sal, acrescente o macarrão e deixe cozinhar conforme as instruções da embalagem.

Enquanto o macarrão cozinha, prepare os ingredientes do molho: desembale o salmão defumado e transfira para uma tábua; dobre as fatias ao meio e corte em tiras finas de cerca de 1 cm de espessura; faça as raspas do limão e debulhe as folhas de endro do ramo.

Assim que estiver cozido, reserve 1 xícara (chá) de água do cozimento e passe o macarrão pelo escorredor. Reserve.

Numa frigideira grande, coloque o creme de leite fresco e leve ao fogo médio – o creme de leite deve aquecer junto com a panela para não correr o risco de queimar. Quando começar a ferver, junte as tiras de salmão, tempere com sal a gosto e deixe cozinhar por cerca de 3 minutos.

Desligue o fogo, junte as raspas de limão, o endro e o macarrão cozido. Misture e junte a água do cozimento reservada para deixar o molho mais fluido. Sirva a seguir com folhas de endro e pimenta rosa a gosto.