34 dicas para conquistar cabelos bonitos em casa
24 de julho de 2013
Conquiste os fios dos sonhos
21 de agosto de 2013
Mostrar Todos

Em busca do corpo perfeito!

Por Fernanda Dragone

Ainda faltam alguns meses para o verão, mas as mulheres mais preocupadas com a forma física já estão de olho nos preparativos para desfilarem lindas e magras pela praia. Se você é uma delas, está na hora de arregaçar as mangas e ficar de olho nos procedimentos certos para conquistar barriga, seios e bumbum dignos daquele biquíni de lacinho. Unindo técnicas cirúrgicas, tratamentos e cosméticos é possível, sim, conquistar o shape que você sempre sonhou. Pronta para planejar sua metamorfose?

BARRIGA CHAPADA

Mesmo adotando uma dieta saudável e fazendo exercícios físicos, alguns pneuzinhos insistem em se apossar do seu shape e, aí, não tem reza, nem abdominal que resolva.

Abdominoplastia

Indicação: para as mulheres que apresentam a parede muscular flácida.
Como é: após aplicar a anestesia que pode ser geral ou peridural, é feita uma incisão na região pubiana até as laterais do quadril. Em seguida, é realizado o deslocamento da pele até a parte superior do estômago unindo os músculos reto- abdominais por meio de pontos, diminuindo assim o diâmetro da cintura. A pele é reposicionada, o excesso, retirado e o umbigo, reimplantado. Para quem não está acima do peso, o resultado é perfeito.A desvantagem é sua cicatriz um pouco maior se comparada a outros procedimentos.
Pós-operatório: não pode tomar sol, e deve evitar dirigir. Ginástica moderada só após dois meses e intensa, após 90 dias.

Lipoaspiração

Indicação: ideal para quem tem a pele firme e está com o peso ideal, mas com gordura localizada.
Como é: primeiro, é realizada uma infiltração com solução especial para inchar as células de gordura, facilitando sua aspiração e diminuindo o sangramento. Na segunda etapa, o paciente é posicionado de bruços. O cirurgião faz um ou dois cortes de cerca de 3 mm na região da coluna e segue com a aspiração da gordura. Depois, ele é virado de frente e o procedimento é repetido, sendo que a incisão é feita na zona do umbigo. Usa-se a técnica das cânulas cruzadas, que ajuda a evitar ondulações na pele.Também há a técnica de vibrolipoaspiração. O aparelho usado na cirurgia vibra nas pontas, quebrando a gordura.“A incisão é pequena, apenas para entrada da cânula, o que favorece para não ficar com cicatrizes”, afirma o cirurgião plástico Chris Willenshofer (RJ). Também é muito importante que a técnica seja realizada corretamente, evitando, assim, flacidez, fibrose e irregularidades.
Pós-operatório: Evitar esforço, usar malhas compressivas por 60 dias e tomar bastante líquido.

 

BUMBUM PARA CIMA

Eles são preferência nacional e alvo das principais mudanças quando não estamos satisfeitas. Veja como conquistar um bumbum redondinho, durinho, e, claro, empinado! 

Subcisão

Indicação: para mulheres que possuem graus severos de celulite como 3 e 4.
Como é: após aplicar a anestesia local, é inserida uma agulha com ponta cortante para romper as fibras que repuxam o tecido para baixo, causando as depressões. Dessa forma, as células de gordura se acomodam, tornando-se menos aparentes. Como o processo também provoca uma leve inflamação na área, é possível aumentar a firmeza da pele pela formação do colágeno na região. “Como a técnica é realizada no próprio consultório, sem sedação, a paciente pode participar opinando quanto ao resultado, sem causar surpresas posteriores”, explica o cirurgião plástico Roberto Chacur (RS). O ideal é esperar um intervalo de 60 a 90 dias entre cada sessão. Após o processo de cicatrização de três semanas, a pele fica lisinha e uniforme.Talvez seja necessário realizar mais de uma sessão.

Phydias

Indicação: para quem gostaria de dar mais firmeza aos músculos do bumbum.
Como é: primeiro são colocados adesivos na região e em seguida conectados a cabos ligados ao aparelho eletroterápico que emite estímulos elétricos com o objetivo de contrair as fibras musculares, brancas e vermelhas, responsáveis pela rigidez.“O recomendável é que a paciente realize dez sessões, no mínimo.Também é indicado fazer a técnica duas vezes por semana, em dias alternados”, explica Lôua Unger, coordenadora técnica do W Spa (RJ). Os resultados já podem ser percebidos logo na primeira aplicação. Pessoas com marca-passo, próteses metálicas, arritmias e grávidas não podem realizar o tratamento.

 

SEIOS NA MEDIDA

Quando a insatisfação é com o tamanho ou formato dos seios, a cirurgia plástica é a melhor solução. 

Mamoplastia redutora

Indicação: procedimento ideal para as mulheres que possuem as mamas flácidas ou com volume excessivo.
Como é: sob anestesia peridural, geral ou local com sedação, o médico marca com uma caneta os locais de onde será retirado o excesso de pele, gordura e tecido mamário.Após a retirada, é feita a adaptação da pele ao volume total dos seios.
Pós-operatório: durante um mês, é preciso tomar cuidado com o movimento dos braços. Atividades físicas são liberadas após o segundo mês.

Implante de silicone

Indicação: para mulheres com os seios pequenos.
Como é: “após a anestesia, que pode ser local com sedação ou geral, é feita uma incisão ao redor da aréola, no sulco abaixo dos seios ou nas axilas. Em seguida, as próteses são colocadas por debaixo do músculo para que o resultado fique mais natural.”, explica o Dr. Chris Willenshofer.A cicatriz é praticamente imperceptível.
Pós-operatório: o indicado é que a paciente limite os movimentos dos braços por até 30 dias e use um sutiã específico para o período de recuperação.