Enzimas contra gordurinhas e flacidez

Sabe as enzimas, aquelas que você aprendia nas aulas de biologia na escola? Elas continuam na nossa vida, mas agora com uma função muito melhor: combater gordura localizada e flacidez que insistem em se instalar no nosso lindo corpitcho. Confira a seguir como ess as substâncias podem agir a favor da beleza

Por Mafê de Almeida

Todo dia, nós mulheres, fazemos sempre a mesma coisa: nos olhamos no espelho e pensamos que “aqui poderia ter menos gordurinha, que ali, poderia ser mais sequinho e acolá poderia ser mais firme”. E ainda passa pela nossa cabeça “ah, eu faria de tudo para resolver esses problemas”. De tudo mesmo, até tomar injeções, certo? E na prática é exatamente isso o que vem acontecendo há anos com a mesoterapia. Não foi essa a origem da técnica (ela surgiu na medicina), mas foi esse o rumo que tomou e segue há anos o caminho do sucesso. No fim dos anos 90, quando as mulheres ainda se familiarizavam com o universo dos tratamentos estéticos, a mesoterapia já estava lá, firme e forte entre, até então, poucas opções oferecidas. Os anos passaram, algumas técnicas caíram em desuso e outras mais modernas e mais eficazes foram surgindo. Mas a mesoterapia garantiu seu lugar e até hoje aparece na lista dos tratamentos mais requisitados e aplicados nas clínicas de estética. Atualmente, porém, é mais comum nos depararmos com o nome “aplicação de enzimas”. Isso porque o conceito e as manobras são as mesmas, mas, além do nome, mudaram também as substâncias utilizadas, que hoje são as enzimas.

Era uma vez uma injeção
A mesoterapia, ou intradermoterapia, surgiu há mais de meio século e foi bastante estudada e difundida na França. No início, era utilizada para fins terapêuticos de processos inflamatórios reumáticos e vasculares. Foi só na década de 90 que começou a ser aplicada na área estética. “Seu uso iniciou-se com aplicações através de puncturas com agulhas e seringa, posteriormente pistolas com disparo automático foram desenvolvidas, possibilitando maiores regiões a serem tratadas; e atualmente, com o desenvolvimento da eletromedicina, equipamentos com determinadas correntes elétricas e mecanismos de eletropoaração pretendem efeito semelhante na introdução local dessas drogas”, explica a cirurgiã plástica Glaucia Zeferino (SP). Como parte desse processo de modernização, as enzimas entraram em ação. Na realidade, é feita a aplicação de uma melange (mescla ou mistura) de quatro a seis componentes diferentes. “As enzimas são substâncias constituídas de proteínas complexas do organismo que serve como catalizador, facilitando as relações entre várias substâncias sem sofrer alterações. Por isso se faz necessária a melange, que nada mais é que uma mistura de componentes, para que assim produza uma reação”, diz a fisioterapeuta Andréia Leitão, da Multi Clinic (SP).
A aplicação é feita com agulhas muito finas e pode ser subcutânea ou intramuscular, depende de cada caso. “O procedimento é feito da seguinte forma: limpeza da área com alcool 70% e realizada pequenas punções intradérmicas no local que se desejar tratar”, explica a dermatologista Mônica Linhares, da Espaço Saúde Rio (RJ). A dor, infelizmente, não depende da substância ou da técnica utilizada. É claro que o profi ssional experiente conduzirá o procedimento da forma mais suave possível, mas a sensibilidade depende de cada organismo. Trata-se de uma reação bastante particular. De um modo geral, as pacientes relatam um ardor mínimo durante a aplicação, e só. É bom evitar as sessões em dias de menstruação, por que automaticamente a mulher fica mais sensível, aconselha a Dra. Andreia. Depois de realizado o procedimento,podem aparecer manchas roxas, principalmente se as agulhas atingirem alguns vasinhos. A dermatologista Inaize Fernandes, do Spaço Sollua (SP) é categórica: a principal recomendação pós-aplicação é ter cuidado com o sol, pois ele pode provocar manchas na pele.

Os dois lados da história
Na lista de vantagens deste tratamento encontramos tudo o que as mulheres mais desejam em relação a técnicas de estética: ele é minimamente invasivo, rápido, quase indolor, permite retorno imediato às atividades e tem resultados rápidos. Há, porém, algumas desvantagens também. E é sempre bom avaliá-las antes de tomar a decisão de iniciar o tratamento. “Como desvantagens, não podemos esquecer que estamos lidando com medicações, drogas, que interagem no organismo como qualquer outra; portanto cada indivíduo pode ter mais receptores para aquela droga que outros, o que promoverá resultados diferentes em ambos indivíduos. Determinadas drogas podem induzir a reações de hipersenbilização, podendo evoluir para alergia”, alerta a Dra. Gláucia. Vale ressaltar que tratamento nenhum é milagre e é preciso sempre associar, a qualquer técnica escolhida, uma alimentação balanceada e a atividades físicas.

NOVA ENZIMA AMERICANA
Quem quer se livrar das gordurinhas rapidamente, a multi clinic oferece a thermoyalo, enzima americana feita à base de proteínas e ativos lipolíticos que prometem resultados logo nas primeiras semanas de aplicação. dependo da quantidade de gordura, são necessárias poucas sessões. isso sem falar que elaage diretamente na degradação de tecido adiposo, quebrando-o em micropartículas e facilitando sua eliminação. durante as aplicações, a paciente não deve consumir (um dia antes e um depois) derivados de porco e frutos do mar porque alguns dos princípios ativos são incompatíveis com estes alimentos.

Direto ao ponto: GORDURINHAS E FLACIDEZ
O tratamento de aplicação de enzimas consiste em injetá-las na região desejada. a enzima, por sua vez, nada mais é do que uma mescla de substâncias alopáticas que agem de acordo com o objetivo. essa mistura, conhecida como melange no meio médico, é feita de acordo a avaliação de cada profissional. Veja como é o procedimento em casos de gordura localizada e flacidez:


GORDURA LOCALIZADA

A melange: será personalizada de acordo com a necessidade do paciente. Os componentes são os mais diferentes, como tiratricol, estreptoquinase, cafeína, silício e chá verde. De uma forma geral, eles têm ação vasodilatadora, melhorando a circulação, aceleram o metabolismo, têm ação lipolítica, estimulam a formação de colágeno e regulam o metabolismo celular.
Número de sessões: irá variar de acordo com cada caso, mas é possível dizer que geralmente são indicadas dez sessões, no mínimo, sendo duas por semana.
Resultados: o fator “individualidade” conta muito, por isso não é possível fazer promessas em relação à perda de medidas. Mas, em média, pode-se perder até cinco centímetros, que começam a ser notados a partir da quinta aplicação. Há casos de pacientes que perdem dois centímetros por sessão.

FLACIDEZ
A melange: uma vez que a fl acidez cutânea está diretamente ligada à quebra das fi bras elásticas de colágeno e elastina, o tratamento foca exatamente o fortalecimento e o estímulo na produção das mesmas. Para isso, são usadas substâncias como DMAE, trissilinol e vitamina C. Estes diferentes componentes misturados atuam no metabolismo e estimulam a produção das fi bras de sustentação da pele.
Número de sessões: não existe um padrão, o tratamento varia de acordo com cada caso. Mas, de uma forma geral, são indicadas de dez a 15 sessões, no mínimo.
Resultados: o colágeno e a elastina, ao terem sua produção potencializada, devolvem o tônus à pele, bem como maciez, elasticidade e fi rmeza. Os resultados podem ser notados a partir da quinta sessão.